A Patrulha Goulart cobrou e a reconstrução do muro da Escola Municipal Doutor Manoel de Abreu já começou

Atendendo a diversos pedidos, a Patrulha Goulart esteve no Jardim Três Corações, no Grajaú, no início de fevereiro para verificar as condições da Escola Municipal Doutor Manoel de Abreu que estava com parte do muro de proteção danificada, além de outros problemas.

“Há cerca de um ano e meio, uma chuva muito forte atingiu a escola, fazendo um pedaço do muro de 22 metros ceder e quase cair em cima dos pedestres. Além disso, desde a queda, aconteciam diariamente, inúmeras invasões de usuários de drogas que vandalizavam o local e aumentavam a sensação de insegurança na região. Assim que soubemos desta situação, encaminhamos à Subprefeitura da Capela do Socorro os pedidos de reforma do muro, dando ênfase aos riscos de novas ocorrências e à falta de segurança dos alunos e moradores. A Patrulha Goulart cobrou e as obras de reconstrução do muro já foram iniciadas. Estamos muito felizes com mais esta vitória”, ressalta o Vereador Rodrigo Goulart.

A moradora Dalva Maria de Cassia comemora a atuação do Vereador. “Eu pedi a sua visita na escola para verificar o estado ruim em que ela se encontrava. Não acreditava que viesse mas, agora, além de saber que o senhor veio, vi o muro sendo reconstruído, muito obrigada e boa sorte!”.

Outro problema que aflige os moradores da região são os acidentes e os altos índices de trânsito nas ruas do entorno da escola nos horários de pico e de entrada e saída. “Isso acontece devido as ruas serem muito estreitas e de mão dupla. Sendo assim, carros invadem a calçada, ônibus e vans escolares têm dificuldades para passar. Segundo os próprios moradores, em 2009, um acidente grave envolvendo seis crianças ganhou repercussão nacional. Para resolver os transtornos ou pelo menos aumentar a fluidez no trânsito, solicitamos a criação de um binário entre as Ruas Professor Francisco Marquês de Oliveira Júnior e General Renato Varandas de Azevedo, dessa forma as vias se transformarão em mão única em sentido contrário, o que ajudará na solução dos problemas sem acarretar em desvios para os motoristas que já as utilizam. Vamos acompanhar esta solicitação também”, finaliza Rodrigo.