Brooklinfest 2018 teve cantora alemã, o Multiartista Antônio Nóbrega, orquestra sanfônica de São Paulo, grupos musicais do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, feira de livros e muito mais

Nos dias 20 e 21 de outubro, o XXIV BrooklinFest proporcionou um fim de semana inteiro de programação cultural gratuita sob o tema “Komm und tanz mit uns (Venha e dance conosco) – Tempo de Histórias”. A festa ao ar livre para todas as idades teve apresentações ao vivo da cantora alemã Eva Jagun, uma das mais populares da Alemanha, do músico, ator e dançarino Antônio Nóbrega, que ao receber uma homenagem da diretoria da Associação dos Empreendedores do Brooklin (AEMB) através da Banda Silibrina do seu filho espontaneamente brindou o público com uma música e dança no palco do BrooklinFest. Teve ainda exposição do Colégio Meninópolis, muitas danças folclóricas interativas de vários países, além de apresentar pela primeira vez um concurso de quem come mais salsicha.

A ideia deste BrooklinFest realizado pela AEMB era colocar as pessoas para dançarem e assim foi feito, a interação com o público foi bem presente nas danças dos grupos de danças folclóricas alemãs Edelweiss, Sonnenblume, Tirol, Gold und Silber, Hallo Welt, Colégio Benjamin Constant e com as competições típicas da equipe Die Säger Buam de Pomerode – SC. Além disso, o Espaço Criança recebeu o artista Abou Sidibe de Guiné Conacri, a Fanfarra da Escola Estadual Rangel Pestana de Amparo, etc.

Um dos palcos do evento recebeu a Orquestra Sanfônica de São Paulo cujo repertório eclético composto de música erudita instrumental e popular tocado por vários acordeons fez as pessoas se levantarem e dançarem. Já a Banda Silibrina contou com uma participação especial de Antônio Nóbrega que cantou “O Rei e o Palhaço” e fez passos de dança.

Como atração internacional, o festival recebeu a cantora alemã Eva Jagun que lançou o CD Camburi no Brasil. Já na Galeria Brooklin, pôde se ver a exposição “Tempo de Histórias” do Colégio Meninópolis. E ainda houve rodas de conversas relacionadas ao tema “Cidades” feitas na rádio experimental BrooklinFest e dentro do CIESP – Distrital Sul. Além de receber a cultura da família Schneider de Quinze de Novembro – RS e grupos culturais da Associação dos Músicos de Pomerode. 

“É a primeira vez que participo do BrooklinFest. Foi uma experiência muito interessante porque traz um mix de culturas populares e tradicionais, que permitem ver que o bairro ao vivo e reencontrar sua história, que é viva nas pessoas que ali moram e recordam sempre aquilo que marcou suas vidas. Por isso, foi um momento de alegria redobrada a homenagem realizada à memória do Colégio Meninópolis, representado pelo ex-aluno José Roberto Collodoro e ao fundador do Colégio, o Pontifício Instituto das Missões Exteriores (PIME)”, destacou Marcela Pankowski, artista e colaboradora do PIME.

Mais uma vez a festa possibilitou que os livros estivessem presentes ao público. O estacionamento do edifício Next Office abrigou uma feira de livros e permitiu um bate-papo com o historiador Rodrigo Trespach, o professor e poeta da cidade de Osório – RS Aderson Alves Costa e o Curador Cultural do BrooklinFest Luiz Delfino Cardia. As editoras participantes foram: Annablume, Editora 34, Editora Contexto, Ciranda Cultural, Taschen, Ubu e Elefante.

As famílias aproveitaram a vasta culinária alemã e de outros países para passar um tempo de qualidade juntos, como nos restaurantes da SOBEI – Sociedade Beneficente Equilíbrio de Interlagos, que utiliza a verba arrecada com os pratos servidos, dentre eles o famoso, Eisbein (joelho de porco) em prol de projetos destinados às crianças, jovens, adultos e idosos. Nas diversas tendas o público pôde saborear ainda acarajés, comida mexicana, portuguesa, espetinhos, lanches de Eisbein e pernil, churros, balas de cocos, antepastos, cocadas, etc.

Concurso e homenagens

A Berna está presente em várias edições no evento com os seus salsichões e promoveu pela primeira fez o concurso “Desafio da salsicha” no palco Multicultural. Os participantes tiveram cinco minutos para comer as salsichas Cervela, Weisswurst, Schüblig e Kalbsbratwurst em tamanho especial. O vencedor foi o assessor de imprensa Rafael Rocumback que comeu 38 salsichas. “Ganhei o prêmio de R$ 500,00 em produtos da Berna para usar em uma das usas lojas. Fiquei muito feliz, pois gosto muito da marca e compro sempre na unidade de Santo Amaro”, comentou Rafael. O segundo e terceiro lugar também foram bonificados com R$ 250,00 e R$ 150,00, respectivamente. Sendo que teve empate no terceiro lugar entre três participantes e a Berna decidiu premiar todos.

Como símbolo de reconhecimento pela diferença feita na área de atuação e pela presença no BrooklinFest, alguns artistas foram homenageados através de uma placa de agradecimento, são eles: Antonio Nóbrega, Professora Dra. Priscila Perazzo do Laboratório Hipermídias de Comunicações Culturais da Universidade Municipal de São Caetano do Sul, Professora e Maestrina Renata Sbrighi da Orquestra Sanfônica de São Paulo e a cantora Eva Jagun.

“Foi um momento muito especial, tanto na minha vida profissional como pessoal. Receber uma homenagem pelo trabalho de pesquisa e memória no seio da própria comunidade alemã, que tenho estudado há anos, foi uma honra para mim. Ver minha equipe de trabalho reconhecida e meus alunos que desenvolveram a pesquisa conjunta comigo, junto de meus familiares e amigos, foi realmente algo que eu nunca imaginei que viveria. Agradeço aos organizadores da BrooklinFest por isso”, fala Priscila.

Em suas diversas passagens pelos palcos do BrooklinFest, o Presidente da AEMB, Pietro Iaconelli, fez um agradecimento especial. “Mais uma vez tivemos um evento sem nenhuma ocorrência policial e isso nos deixa extremamente felizes e conscientes de que estamos no caminho certo. Agradeço a Prefeitura de São Paulo na pessoa do nosso Prefeito Bruno Covas por todo apoio, suporte e prestígio ao visitar o nosso festival; o Secretário de Cultura do Estado de São Paulo, Romildo Campello; o nosso Curador Cultural Luiz Delfino Cardia que construiu este belíssimo evento; o nosso Vice-Presidente Ademar Távora; todos os artistas que se apresentaram em nossos palcos e, principalmente, o público que esteve presente prestigiando a nossa 24ª edição do BrooklinFest”, finalizou Pietro Iaconelli.