Diretoria do AESUL faz balanço de 2021 e projeta um 2022 com várias atividades presenciais

O ano de 2021 foi desafiador para todos. Ao mesmo tempo, foi um período de resgate de valores, de reconhecer o quanto é importante estarmos próximos de quem amamos e como precisamos celebrar os nossos encontros presenciais. É com esse pensamento que a Associação Empresarial da Zona Sul (AESUL) encerra o seu ano, e projeta um 2022 com inúmeras atividades, como a retomada do Circuito de Negócios, no formato presencial e a parceria com grandes empresas como o SEBRAE e a ADE Sampa, que tem ajudado na capacitação dos associados.

Para a presidente Patrícia Atui, a AESUL vive um momento de expansão e diálogo com o empresariado, o que tem conduzido a instituição a novos rumos. “Assumi a presidência em abril de 2021 com o propósito de aumentarmos não só a visibilidade da instituição, mas trazer novos associados e fortalecer o nosso grupo como uma grande força no mercado”, conta.

Criada em 1990, a AESUL tem como meta posicionar-se como legítima representante do comércio, indústria, prestadores de serviços, profissionais liberais e empreendedores de São Paulo no contexto socioeconômico do país. Atualmente a instituição possui mais de 300 associados, que realizam negócios tanto no formato presencial, quando no meio virtual.

“A internet tanto pode nos ajudar a gerar novos negócios, como também ampliar os já existentes. Durante o ano de 2021 realizamos o nosso tradicional Circuito de Negócios nesse formato, e tivemos muito sucesso, gerando novos negócios e fortalecendo parcerias. A pandemia nos revelou ainda mais a força do networking e, principalmente, as novas formas de cultivá-lo, e com a volta das atividades presenciais, iremos fortalecer ainda mais a nossa instituição”, finaliza Patrícia.