Empresário Deve Esquecer As Ideologias Direita E Esquerda E Focar No Lucro

A empresa brasileira vem sofrendo com o formato da política imposta há tempo. Impostos cada vez mais arrochados e novas taxas são imposta sobre as empresas. O que não dá para entender é a atitude de muito empresário em apoiar tais reformas só porque o político que lá está é o seu amigo. Em política não se tem amigos… tem acordos! O político sempre pensa nele e esquece o pais. Enquanto isso alguns empresários são ludibriados por promessas políticas ideológicas, como por exemplo, somos da esquerda ou direita, deixando ser levado por promessas que não será possível sua conclusão, se esquecendo que sua empresa depende de faturamento. Com ideologia ou sem ideologia política a sua empresa depende de faturamento. O político tem salário garantido e alguns milhares de reais extras para gastar e até mesmo investir num negócio paralelo concorrendo com o empresário que acha que tem amigos na política. O empresário só vai ter salário se a sua empresa tiver um bom faturamento.

   Muitos empresários, por falta de cultura política e formação social, perdem tempo discutindo ideologia política, defendendo aquele que no poder está e esquece que parte do seu lucro vai para pagar o salário, hotel, carro, combustível, passagem de avião e até motel para os políticos. A conta de todos os políticos vai para o empresário pagar. Também vai para o empresário pagar todos os impostos e taxas criadas pelos políticos. Quando chega o ano de eleição o seu amigo político vai até o seu estabelecimento pedir o seu voto e com mais conversa fiada que está trabalhando para melhorar o país. Na política, não existe esse negócio de esquerda ou direita, todos são farinha do mesmo saco. Na região, tem empresário que perde tempo discutindo sobre o “capitão e o comunismo”. Comunismo deixou de existir há muito tempo e o capitão precisa virar general para aprender a governar. Já o empresário precisa acordar para a realidade e dar a volta por cima fazendo da sua empresa uma empresa sólida, saudável economicamente e faturando para investir em outros empreendimentos e não ficar só enchendo os bolsos de políticos com o faturamento da empresa.

   O empreendedor com objetivo realista é àquele que aproveita a oportunidade para fazer negócio e assim estruturar sua empresa e investir em vários seguimentos não importando quem está no governo, seja no âmbito municipal, estadual e Federal. O empresário que veio para fazer a diferença não faz amigo na política, faz negócio.