Por reforma atendimento do PSM Maria Antonieta será transferido para a AMA/UBS Integrada Jardim Icaraí

 Local fecha a partir desta quarta-feira (16) e se transformará numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) modalidade VIII

No dia 1º de junho começaram as obras de ampliação do Pronto Socorro Municipal (PSM) Dona Maria Antonieta Ferreira de Barros. O pronto-socorro passará a ser uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) modalidade VIII (antiga III), que ampliará os atendimentos de saúde de baixa e média complexidades.

Com o avanço das obras, será necessário interromper o atendimento no prédio. O atendimento passa a ocorrer na Assistência Médica Ambulatorial/Unidade Básica de Saúde (AMA/UBS) Jardim Icaraí Quintana, que hoje funciona por 12h e passará a ser 24h para suprir a demanda. A AMA/UBS Jardim Castro Alves funcionará 24h e permanecerá em regime porta-aberta das 7h às 22h.

A UPA modalidade VIII é responsável pela cobertura de atendimento para um grupo de 200 a 300 mil pessoas. Com a ampliação, a unidade contará com 452 profissionais – com 20 plantonistas médicos em 24h – o que representará ao menos, mais de 20 mil atendimentos mensais. A unidade também contará com uma base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Novas salas e serviços da UPA Maria Antonieta:

– Setor assistencial

– Salas de espera: de 3 para 4 salas;

– Consultórios médicos: de 7 para 9 consultórios;

– Sala de Odontologia;

– Sala de eletrocardiograma (ECG);

– Sala exclusiva para imobilizações ortopédicas;

– Laboratório de Análises Clínicas;

– Ampliação da sala de coleta, sala de medicação, inalação e sala de serviço social.

  • Setor de Urgência/Emergência:

– Leitos de observação: de 11 para 15 leitos;

– Leitos de emergência: de 3 para 5 leitos;

– Ampliação da sala de sutura e curativos;

– Base do SAMU;

– Quartos de isolamento.

Setor de Integração de Serviços:

– Ampliação e integração da farmácia, ampliação da copa/cozinha, sala de raio-x, rouparia, central de materiais esterilizados (CME), depósito de materiais de limpeza (DML) e abrigos de lixo;

– Implementação da sala de manutenção e almoxarifado;

Setores de Convivência:

– Ampliação do refeitório, vestiários masculino e feminino, conforto médico e conforto de enfermagem.

  • Setores Administrativos:

– Ampliação da sala de RH, Serviços de Arquivo Médico e Estatística (SAME) e sala de administração.