Prefeitura entrega urbanização e saneamento no Jardim União na Zona Sul da capital

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, entregou, juntamente com o governador do Estado, Rodrigo Garcia, as obras de urbanização e saneamento do Jardim União, no Grajaú, Zona Sul de São Paulo. Segundo Ricardo Nunes, a Prefeitura tem o dever de proteger os mananciais, mas também tem que dar dignidade às pessoas que moram próximas às represas. “Apesar de ser uma cidade rica, São Paulo tem muitas desigualdades e problemas. E que fizemos aqui é mais uma ação para combater essa desigualdade. Sabemos que temos que melhorar muitas coisas, mas estamos no caminho certo para resolver essas questões e juntos com o Governo do Estado iremos mais rápido”, disse o prefeito
As obras foram realizadas por meio da Secretaria Executiva do Programa Mananciais, órgão da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) e beneficiará 664 famílias com uma área de área 82.969,64 m². Entre as intervenções, foram entregues obras de melhorias de urbanização, como: ligações e água, rede de esgoto, drenagem pluvial, pavimentação e calçadas, paisagismo, áreas de esporte e lazer. Para o governador Rodrigo Garcia, a entrega é um momento de comemoração.“Vamos celebrar essa conquista que é de cada morador dessa região. Quando a gente faz uma entrega de obra, celebra,porque houve muita batalha da população que pediu ajuda e a Prefeitura e o Estado, ouviram, vieram e fizeram o que necessitava fazer”, frisou o governador.
Parcerias
A parceria do Estado com o Município permitiu a instalação de redes de água e esgoto, por meio da Sabesp. Já foram realizados 710,08 metros lineares de rede de esgoto e 231 ligações domiciliares. O valor investido nesta ação foi de R$ 5,2 milhões, sendo R$ 3,3 milhões do Fundurb – Fundo de Desenvolvimento Urbano, R$ 1,9 milhão do FMSAI – Fundo Municipal de Saneamento Ambiental e Infraestrutura e R$ 31.260,00 mil pela Sabesp.
A Secretaria Executiva do Programa Mananciais e a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano – CDHU, firmaram convênio para viabilizar a regularização fundiária e a entrega de titularidade das famílias ocupantes da área.
A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – Sabesp, também parceira nesta ação firmou convênio para a ampliação da rede de esgoto e ligação da rede de água na região do entorno das represas Guarapiranga e Billings. O convênio executará obras de saneamento básico (rede de captação de efluente de esgoto doméstico e rede para fornecimento de água potável). O valor investido para execução das obras será de R$ 121 milhões, sendo R$ 61 milhões aportados pela Sabesp e R$ 60 milhões pelo município, com recursos do FUNDURB e FMSAI.
Sobre o Programa Mananciais
O Programa Mananciais tem como objetivo a despoluição das represas Billings e Guarapiranga. A população que vive no território das duas sub-bacias hidrográficas Guarapiranga e Billings é de cerca de 2,3 milhões de habitantes, o que representa 20% da população da cidade de São Paulo (sendo 1.158.235 na Guarapiranga e 1.145.369 na Billings – Censo 2010).
A terceira fase do Programa Mananciais visa a urbanização de 66 áreas precárias, bem como a construção de 8,7 mil novas unidades habitacionais para o reassentamento das famílias que se encontram em situação de risco e em frentes de obras. Para proteger a ocupação de novas áreas, estamos implantando um conjunto de parques e espaços públicos ao longo dos córregos que chegam às represas, bem como nas suas bordas.
Entre 2017-2020, foram beneficiadas 8.885 famílias com as obras de urbanização do Programa Mananciais. Já em 2021, foram beneficiadas, 5.484 famílias.