Programação Cultural Da Biblioteca Belmonte – Abril/2019

QUEM CANTA SEUS MALES ESPANTA 

Uma costura entre cordéis e canções dos rincões do Brasil, carregados com  inteligência e bom humor, trabalhando o lúdico das crianças  envolvidas nesse universo mágico e chamadas a cantar com o grupo num envolvimento vivo com brincadeira e a descontração. O grupo é dirigido por Diego Summer, músico, cantor, compositor e diretor de teatro com acompanhamento de sanfona, triângulo e zabumba. Livre. 50 min. Dia 13/04, sábado, às 12h.

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS QUEM SALVOU O AGORA? 

Super-heróis podem ser assim… como você ou eu, como todos nós, pessoas como cada uma das crianças a ouvirem esta história, assim como pessoas que viveram incríveis jornadas ao tentarem, de suas próprias formas, salvarem o mundo. A contação “Quem salvou o agora?” propõe buscar as heroínas e os heróis que lutaram e/ou lutam por mudanças em nossa sociedade e contar suas histórias de forma lúdica para as crianças. Adentramos, por meio desta contação, no mundo fantástico no qual habita Malala, nossa super-heroína, que defende com todas as suas forças o direito de meninas poderem ir pra escola. Livre.40 min. Dia 02/04, terça-feira, às 10h.

 CONTAÇÃO E MÚSICA COM SABINO LOPES  

Sabino Lopes recebe, no auditório Kiyomi Oba, com muita alegria, música e contação de histórias, grupos de escolas infantis.  As crianças se divertem, aprendem e interagem com suas histórias divertidas e músicas contagiantes.Participação especial:  Gabriel Lopes.  LIVRE. Dia 23/04, terça-feira, às 10h30 e 26/04, sexta-feira, às 14h30.

TEATRO PALAVRA DE STELA

O espetáculo traz para a cena Stela do Patrocínio, na figura de autora e de personagem. Diagnosticada como psicopata e esquizofrênica, com um histórico de mais de 30 anos em instituições psiquiátricas, Stela, representada pela atriz Cleide Queiroz, desenvolveu um discurso considerado de alto teor poético. Seu “falatório”, carregado de angústias, retrata a rotina manicomial à qual foi submetida durante seu isolamento e, sobretudo, revela sua visão da vida, do mundo e de si mesma. Montagem privilegia a interpretação da atriz Cleide Queiroz que, com sua presença cênica e potência vocal, dá voz e corpo à Stela do Patrocínio e ilumina o público com o brilho de suas falas. Censura 14 anos. 60 minutos.Espetáculo contemplado com o Prémio Zé Renato. Direção: Elias Andreato. Dia 17/04, quarta-feira, 19h30.

Os 3 Porquinhos é contado através de dois “açougueiros”, Pipo e Pepe, que têm um açougue muito diferente. Nele há todo tipo de carne: carne de óculos, carne de bicicleta, carne de martelo, carne de banana, menos carne de verdade. Um dia lhes pedem carne de porco e então é armada toda a confusão: um dos açougueiros se veste de lobo para desta forma entrar na história Os 3 Porquinhos e conseguir a carne tão almejada. Será que conseguirão? Onde conseguirão? Como conseguirão? O espetáculo é cartoonesco, irreverente e musical tendo na linguagem do palhaço o grande fio condutor. Livre. 55 min. Dia 27/04, sábado, às 12h.

ENCONTRO GRUPO DE DESENVOLVIMENTO PESSOAL

Com a Psicóloga Sonia Maria Tsumoto – O que é preciso para crescer e desenvolver pessoalmente e profissionalmente. Temas relacionados são discutidos nas reuniões de terça-feira das 10h às 12h. O número de vagas pode ser de 40 pessoas, entre homens e mulheres.  Inscrições abertas.

OFICINA “DOS JOGOS TEATRAIS A ENCENAÇÃO”

Com a Atriz, Dançarina e Artista-educadora Maria Lúcia Tomé Branco. Através dos jogos teatrais, improvisações são criadas a partir de temas levantados e discutidos para a criação coletiva na construção de cenas onde se constrói uma narrativa para composição do exercício cênico a ser mostrado no final do processo.. De 21 de março a 17 de julho. Acima de 14 anos. Inscrições abertas pelo tel: 5687-0408, falar com Dorinha/Jomar. Gratuito. Todas as quintas feiras, das 14 às 17h.

EXPOSIÇÃO-VISAGENS – VISÕES COMUNS, VISÕES SUBLIMES

  Exposição permanente, composta por xilogravuras feitas por Ernesto Bonato a partir de retratos também realizados pelo artista, de pessoas que circulam, trabalham ou moram no entorno da biblioteca. Homenageia a arte popular na figura de homens e mulheres comuns, depositários e vivificadores da cultura brasileira. Exposição permanente no saguão da Biblioteca.

VISITAS MONITORADAS – Agendamento pelo telefone 5687-0408, com Dorinha ou Jomar

Dorinha Sant’Anna

Belmonte – Cultura Popular

Acervo Temático, Divulgação e Cursos

Telefone: 5687-0408

http://www.bibliotecabelmonte.blogspot.com

Visite-nos no FACEBOOK