A Prefeitura de São Paulo ampliou o serviço do CAPS Infantojuvenil,

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e da Coordenadoria Regional de Saúde Centro, ampliou o serviço do CAPS Infantojuvenil, unidade Sé, região central da Cidade. Agora, os usuários do Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil Sé (CAPS IJ Sé) contam com novo perfil e maior capacidade de atendimento. A unidade passou a ser caracterizada como CAPS III, oferecendo serviço ambulatorial de atenção contínua, 24 horas por dia, incluindo feriados e finais de semana.

“Esta unidade ficava no Centro da cidade e passou a funcionar nesta casa para acolher melhor as famílias de crianças e jovens que passam por aqui mensalmente, em um trabalho muito importante que agrega qualidade ao serviço feito pela secretaria de Saúde para poder recuperar as crianças na cidade de São Paulo”, disse o prefeito.

De acordo com o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, os incrementos realizados na unidade têm o objetivo de atender a política de saúde mental da cidade de São Paulo.

Para atender a demanda, a unidade passou para um novo endereço, no bairro do Cambuci, com estrutura ampliada, quatro leitos para cuidados noturnos.

Enquanto era um Caps Infantojuvenil II, a Unidade Sé contava com 188 pacientes ativos. O volume de atendimento foi ampliado para 271 pacientes em atividade. Da mesma forma, os procedimentos mensais passaram de 2.747 para 5.312.

Houve também a ampliação das equipes, tanto para o turno da manhã quanto da noite, destacando-se a contratação de um médico pediatra, possibilitando atenção aos pacientes de forma integral e, consequentemente, potencializando, junto às equipes, a compreensão do processo Saúde/Doença (Mental).