Tem início o processo de licitação para contratação do Projeto Executivo de Canalização do Córrego Tanquinho do Condomínio Palmares

No dia 26 de novembro foi realizada na Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB) a sessão de entrega de propostas e documentos de habilitação para contratação de empresa para a “Prestação de Serviços Técnico Profissionais para Elaboração de Projeto Executivo de Canalização do Córrego Tanquinho junto ao Condomínio Residencial Palmares”, no extremo sul. Foram entregues oito propostas, das quais quatro empresas fizeram questão de acompanhar a sessão de abertura dos envelopes contendo os documentos de habilitação. São elas: Roma Engenharia e Consultoria Ltda, Consulterra Engenharia e Consultoria S/S, E.A.C. Consultoria Ltda e RGSE Projetos e Engenharia Ltda. Também estiveram presentes representantes da assessoria do vereador Rodrigo Goulart e o síndico do Condomínio Palmares Edson Dantas.

O processo segue agora com a análise da documentação e habilitação das empresas, abertura das propostas e anúncio da empresa vencedora. Esse foi um grande avanço no processo que beneficiará mais de 10 mil moradores do Condomínio Palmares que há anos enfrentam problemas ocasionados pelo Córrego Tanquinho. Em época de chuvas, a população sofre com alagamentos e com o risco iminente de desmoronamento dos prédios, justamente pelas más condições do afluente. O projeto de canalização do Córrego Tanquinho teve início em 2011 quando o Deputado Federal Goulart ainda era vereador da cidade de São Paulo. Apesar do grande esforço do vereador o projeto não saiu do papel. “Promovemos diversas visitas com autoridades públicas ao local e encaminhamos inúmeros ofícios sinalizando o estado de urgência e a necessidade dos devidos melhoramentos. Mas infelizmente, na época, muito foi prometido pelo poder público e nada realmente realizado. Assim como os moradores, fiquei muito frustrado com a falta de respostas, mas não desistimos e continuamos a luta através do mandato do meu filho Rodrigo Goulart”.

Assim que assumiu, Rodrigo fez um levantamento completo de toda situação e através do Decreto N° 58.427, de 18 de setembro de 2018, destinou R$ 345.119,91 à Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras para abertura de licitação e contratação da empresa que será responsável pelo Projeto Executivo de canalização do córrego, item essencial para que ao obra comece a sair do papel. “Como o processo de licitação do Projeto Executivo já está em andamento tenho certeza que logo teremos muitas outras novidades para início efetivo das obras de canalização do córrego”, sinaliza o vereador Rodrigo Goulart.